Elixir de Hilary Duff e Elise Allen


Título: Elixir
Autora: Hilary Duff e Elise Allen
Editora: Editora iD
Ano: 2011
Páginas: 280
Adicione: Skoob

Sinopse: Com seus dezessete anos, Clea Raymond vem sentindo o brilho dos holofotes desde que nasceu. Filha de um renomado cirurgião e uma importante política, ela se tornou uma talentosa fotojornalista, refugiando-se em um mundo que a permite viajar para diversos lugares exóticos. No entanto, após seu pai ter desaparecido em uma missão humanitária, Clea começa a perceber imagens sinistras e obscuras em suas fotos revelando um belo jovem — um homem que ela nunca viu antes.Quando o destino faz Clea se encontrar com esse homem, ela fica espantada pela conexão forte e instantânea que sente por ele. Conforme se aproximam e se envolvem no mistério do desaparecimento do pai de Clea, eles descobrem a verdade secular por trás dessa intensa ligação. Divididos por um amistoso triângulo amoroso e assombrados por um poderoso segredo que afeta seus destinos, eles embarcam em uma corrida contra o tempo para desvendar seus passados e salvar suas vidas - e seu futuro.


   Olá pessoal, tudo bem com vocês? Sossegados? Haha, finalmente consegui escrever uma resenha. Eba! A resenha de hoje se trata de um livro que achei muito chato o começo mas acabei amando no final.

   O livro conta a história de Clea, uma jovem vinda de uma família muito rica e famosa, filha de uma senadora e de um pai cirurgião, Clea teve que se acostumar com paparazzis. Não é exagero, gente, a mãe dela é muito famosa na área da política, por ser uma mãe dedicada e por também amar muito o marido ela acabou ganhando destaque por conseguir se manter na área da política mesmo sendo tão ocupada. Clea também ganha destaque por ser filha deles.

Fiquei muito curioso em saber onde o tal elixir encaixaria no livro, talvez seja por isso que eu não desisti de continuar a lê-lo. Ainda bem que isso aconteceu. O pai de Clea sempre lhe presenteava com câmeras fotográficas, todo aniversário ganhava uma câmera de uma última geração de cada ano. Assim como pai, ela adorava tirar fotos. Graças a esse hobbie, ela sempre levava a câmera por todos os lugares.


Depois de uma viagem de férias que ela fez junto com sua amiga em Paris (rica), ela resolve dar uma olhadinha em suas fotos de viagem. Olhando uma por uma, ela consegue ver algo estranho em cada uma delas.

Um vulto de um homem com as mesmas roupas em grande parte de suas fotos. Ela se questiona por isso, "será que ele esteve me seguindo a viagem toda?", mas após observar mais, nitidamente, ela reconhece o cara, um homem que ela tem sonhado nos últimos tempos.

Clea fica totalmente atormentada por isso,  como um cara dos sonhos dela poderia parecer em suas fotos em diferentes locais e sempre com as mesmas roupas? Foi aí que eu resolvi continuar a ler o livro (haha), a história deu um salto de chata para interessante.
O mais legal é que Clea só encontra respostas quando ela viaja para o Brasil junto com seu melhor amigo Ben. Fiquei bastante entusiasmado em saber que um best-seller internacional teve ambientações aqui no Brasil. (hehe)

Passeando pela praia no Rio de Janeiro junto com Ben, ela consegue avistar o cara de seus sonhos, não pensou duas vezes, saiu em disparada atrás do homem, ele que por sua vez foge. Assim começa a perseguição que só termina em uma mata. Após esse reencontro, tudo faz mais sentido para Clea e Ben em conhecer Sage, o homem de seus sonhos e de suas fotos. Mas mal sabem eles que se meteram em algo extremamente perigoso.

O que achei: O livro é perfeito em todos os sentidos, já comecei a ler a sequência que logo logo irei resenhar aqui. Super recomendo.


Nota:


3 comentários:

  1. Oiiii
    Quando Elixir saiu eu fiquei muito afim de ler, mas s vontade passou kkkk
    Confesso que sua resenha me deixou bem curiosa

    www.papuff.com

    ResponderExcluir
  2. Oiiii
    Quando Elixir saiu eu fiquei muito afim de ler, mas s vontade passou kkkk
    Confesso que sua resenha me deixou bem curiosa

    www.papuff.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Estou adorando a trilogia, falta pouquinho para terminá-la

      Excluir

Tecnologia do Blogger.