Eu Vejo Kate de Cláudia Lemes


Nome: Eu vejo Kate - O despertar de um serial killers
Autor: Cláudia Lemes
Editora: Empíreo
Ano: 2015
Páginas: 386
Skoob: Adicione
Onde Comprar
Sinopse: Há um ano, Blessfield, uma pacata cidade do interior da Flórida, enterrou 12 mulheres vítimas do violento e cruel serial killer Nathan Bardel. Ele foi julgado, condenado e morto. Mas antes que as feridas da cidade pudessem cicatrizar, um novo assassino em série surgiu. Mais violento. Mais cruel. Usando o mesmo método que seu antecessor. E ele tem uma obsessão: ela.
Uma escritora obcecada. Um agente do FBI com a carreira em risco. Um serial killer...morto. Três personagens. Três narradores. Um pergunta. QUEM ESTÁ MATANDO AS MULHERES DE BLESSFIELD?

Kate é uma escritora relativamente famosa, que decide que seu próximo livro vai ser sobre o famoso serial killer Nathan Bardel, pra fazer seu trabalho bem feito ela pesquisa tudo sobre o assassino, sua vida, sua família, lugar onde morava e também o profiler que contribuiu para sua prisão, Ryan Owen. Kate se aproxima cada vez mais de Nathan e essa aproximação e teimosia pode ser mais perigosa do que ela imagina.
Medo manifesta-se em mim agora. No corpo inteiro. Da cabeça aos pés. É um sentimento que se dissipa através de tudo o que sou, lentamente, quase com ternura.
Me senti no direito e também obrigação de resumir bem a história do livro, por ser um livro com um alto teor investigativo eu acho que falar muito seria uma forma de spoiler e não desejo a ninguém o spoiler de um livro que causa tantos sentimentos em uma leitura só.
Eu vejo Kate é um livro que a leitura fluí muito bem, daquele tipo que quando você nota já está na metade. Claudia Lemes é uma autora brasileira, mãe de três filhos e dedicou 10 anos de sua vida para estudar criminologia, e usou todo esse conhecimento ao escrever o livro. A edição é simples mas muito bem feita, as páginas são amareladas, cada narrador tem seu inicio sinalizado com uma página cinza ( que ajuda a não se perder na leitura) e é dividido em 3 partes: O despertar, A matança e O acerto de contas.
Muito se tem especulado sobre o que constrói um assassino em série. O que posso dizer, sendo um deles, é que nós temos sentimentos, mesmo se eles são na sua maioria raiva, ressentimento e ódio. Nós não somos inerentemente maus, mas fazemos coisas más, porque nos fazem sentir importantes, excitados e poderosos.
O que dizer de um livro que eu acabei odiando mas também tendo uma enorme relação de amor? É difícil descrever a relação que tive com ele, em várias cenas me senti compreendendo Nathan, aceitando seus motivos, aceitando suas atrocidades e até mesmo sentindo pena dele, em outras odiava sua frieza, seu atos bem calculados, seu ódio e desprezo pelas mulheres, eu queria matar ele ( o que é uma ironia levando em consideração que já estava morto). Eu simplesmente adorei a escrita da Claudia, o enredo é bem escrito os personagens são bem construídos e complexos, as cenas mais pesadas são horríveis e me causaram a sensação de realmente estar vendo aquilo ocorrer na minha frente. Kate no inicio era o que eu esperava, eu gostei da sua língua afiada e seus modos meio grosseiros, mas sua insegurança interna me incomodava quando ela era a narradora, até certo ponto eu consegui me identificar e em alguns momentos ela agia como esperado de alguém que sabe que está correndo perigo mas em outros agia de forma estúpida, mas sua determinação e teimosia a fizeram mais forte do que ela mesmo podia ver e pra felicidade dos leitores ela consegue mostrar isso.

Um dos pontos positivos foi a narração feita por cada um, ver o ponto de vista de cada narrador, ver como se sentiam, ter três visões diferentes de um mesmo momento, cada sentimento e cada sensação. E isso foi extremamente F.O.D.A porque o leitor tem a oportunidade de ver as barbáries pelos olhos do seria killer e por mais incomodo que possa ser a leitura acaba se tornando mais interativa, você sente o mesmo que ele, mas também tem as suas próprias reações isso. 
No final Eu Vejo Kate é exatamente isso, uma história cheia de atrocidades, ação, investigação, e a essência doentia do ser humano, e ler sobre isso te causa ânsia, nojo, ódio e fascínio por esse lado, trazer o um assassino inesperado torna todo o livro inovador. Não contei sobre o assassino porque esse é o ponto chave do livro, e tentar compreender é o que no meu caso tornou o livro ainda mais incrível.
Nota:



14 comentários:

  1. Pra livro, não é um gênero que eu goste muito de ler. Então, não sei se fluiria tão bem assim, pelo menos pra mim. Poréééééém, fiquei interessada em ler o pv do "cereal" killer. :3

    ResponderExcluir
  2. Olá!
    Nossa parece ser um livro impactante!
    Gosto de livros que envolvem investigação. A premissa me agrada muito.
    Nunca li um livro com este tipo de narração que você mencionou. Já está na minha lista. Sua resenha me despertou muito interesse no livro.
    Beijinhoss...
    http://estantedalullys.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. É bom saber que o livro fluir bem, não tinha conhecimento da obra, mas confesso que fiquei interessado, pois deve ser ótimo. Gostei da resenha!

    ResponderExcluir
  4. Livros com aquela relação de amor e ódio é uma coisa complicada de resenhar, ainda mais falando de livros investigativos.
    Gostei da história do livro.

    Beijinhos, Helana ♥
    In The Sky, Blog / Facebook In The Sky

    ResponderExcluir
  5. Oi Paac, tudo bem?
    Uau! Eu quero muito ler esse livro agora. Sua resenha está maravilhosa e me deixou muito animada.
    Eu adoro uma trama com esses pontos que você mencionou, principalmente por ter serial killer. Já adicionei no skoob.

    Beijos
    Leitora Sempre

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente o livro é muito e super vale a leitura.

      Excluir
  6. Oiie
    Sua resenha ficou linda, eu estou louca para ler esse livro mas ainda não o tenho, gosto bastante do gênero e vi vários elogios como o seu haha espero ter oportunidade em breve

    Beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Olá,
    É a segunda resenha positiva que leio, e cada vez mais me interesso pelo livro!
    Gosto da parte de investigação e de todo o mistério envolvido, se eu tiver a chance lerei.

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.