O Jardim Animado de Maira M. Moura


Título: O Jardim Animado
Autora: Maira M. Moura
Editora: Multifoco
Páginas: 116
Skoob: Adicione

Sinopse: "Marcando a estreia de Maira M. Moura na literatura, O jardim animado surpreende exatamente pela maturidade. A voz peculiar que Maira constrói ao longo de seus nove contos aparentemente independentes é uma voz que evoca um universo à la Neil Gaiman e deixa escapar uma ou outra herança de Allan Poe, mas ultrapassa – e muito – essa junção. Na mistura inusitada, a narrativa segue abraçando elementos até então opostos (ou, no mínimo, de combinação inimaginável), indo da mitologia grega a Jorge Ben Jor, de sereias fantasmáticas a alienígenas com máscaras de tragédia grega no lugar do rosto. Em comum, personagens que – tragados pelo absurdo da vida – parecem desistir de questioná-lo e, ao invés disso, nutrem uma espécie de consciência do inevitável. Se a ironia é a possibilidade de dizer duas coisas opostas ao mesmo tempo, é precisamente aí, nesse ponto de encontro entre ambos, que os personagens de Maira se desenvolvem: melancólicos e cômicos, sombrios e inofensivos. Fantasiosos e, ainda, estranhamente verossímeis. Maira, na realidade, não apenas diz duas, mas múltiplas coisas ao mesmo tempo, tornando O jardim animado um labirinto desdobrável e infinito em que o leitor encontra muito além do que pensava estar procurando."
*Livro cedido em parceria com a autora para resenha  

    Oie, gente, tudo bem? Bom, a resenha de hoje é sobre um livro de um gênero que eu não costumo ler muito: horror/suspense, mas logo de cara me interessei por ser um livro de contos. Adoro lê-los. Como podem ver na sinopse, ou introdução, o livro é bem peculiar e te deixa com um gostinho de curiosidade desde o primeiro contato. 
    A escrita da autora é muito gostosa e fluída, apesar do uso de expressões e palavras diferentes e uma narrativa mais clássica não me senti intimidada e não foi nem de longe difícil de ler. Ela consegue escrever extremamente bem e de uma forma que qualquer um consiga entender e isso torna o livro de cento e poucas páginas mais rápido ainda, dá pra ler em uma viagem de ônibus até o centro ou no intervalo do trabalho. 
    Os contos são curtos, tendo no máximo dez ou doze páginas e às vezes até menos. Tudo é curioso desde os títulos até o desfecho de cada história. Os personagens são excêntricos e a dosagem de horror e suspense em cada conto é fantástica. Resumindo: o livro é repleto de criatividade, perfeito para quem gosta de histórias com mistério e fantasia. 
     Uma coisa que me incomodou no livro é que existem muitos gatos, não me levem a mal, mas com tantos gatos no livro, vez ou outra tive a impressão de que a autora seria apenas uma apaixonada por gatos que colecionou várias fantasias sobre eles e escreveu um livro. Sei que não é o caso, pois existem outros seres presentes também, mas às vezes tive essa sensação. Outra é que tanta peculiaridade, pra quem não é muito fã de horror e suspense como eu, pode atrapalhar no entendimento da história. Afinal, alguns contos terminam com finais subjetivos e inconcretos, deixando você trabalhar melhor sua imaginação. 
    Concluo dando quatro estrelas para o livro apenas porque não sou fã do gênero e não consegui me identificar com os personagens (talvez porque a maioria eram gatos e eu goste mais dos cachorros), porém, admito que a escrita e a criatividade da autora são excelentes e todos que gostam de histórias assim vão se apaixonar. Valeu a pena a leitura, os nacionais andam me surpreendendo muito.  
Nota:

11 comentários:

  1. Muito bacana, Thaisa! Quando comecei a escrever, não lia tantos contos. Mas fui tomando gosto de um jeito que até publiquei um. Gostei da sua resenha e curti a capa e me chamou a atenção a ideia de ser no estilo Neil Gaiman. Beijos!

    Carolina Gama

    ResponderExcluir
  2. eu acho que vou amar o livro, então: contos, terror, gatos demais e finais meio subjetivos. isso é a minha cara kkkkkkkkkkkkkkkkkk
    já anotei a sugestão pra ler :D
    bjs...

    ResponderExcluir
  3. Oi, Thaisa
    Eu ainda não tinha escutado falar no livro. Os nacionais realmente estão nos surpreendendo, ms confesso que este em questão não me chamou atenção. Também gosto mais de cachorros, mas não é por isso. Quem sabe mais para futuro eu me anime.

    livrosvamosdevoralos.bogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Oie
    sua resenha está muito legal e parece ser uma leitura muito interessante e gostosa, não é bem o que curto ler e não conhecia a obra ainda, mas boa dica

    Beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Eu adoro um terror e suspense. E o conto é ideal para desenvolver os dois gêneros. Só fiquei com um pé atrás porque os personagens são animais. Bom, mas se tiver oportunidade, lerei.

    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nem todos os personagens são animais, a maioria são pessoas (e a maioria das pessoas são meninas!) :D

      Excluir
  6. Oi, flor!
    Parabéns por ter lido um livro que não é de um gênero que goste. Acho muito especial quando saímos da nossa zona de conforto. Diferente de você, gosto do gênero horror/suspense, especialmente quando o autor consegue mexer com nossos medos mais profundos sem fazer uso de uma narrativa cheia de "monstruosidades" ou sangue/tripas. Adoro contos também. Então, o livro seria ótimo para mim. Mas, infelizmente, não me senti tentada a lê-lo. Não sei, pela sua resenha, não acho que foi porque o gênero não te agrada que o livro não foi "aquilo tudo". Parece ter faltado algo a mais... :/

    Beijos!
    http://www.myqueenside.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. Olá, adoro o gênero...então é claro que já me interessei super por essa obra!
    Já faz tempo que não leio nada parecido, contendo animais como personagens principais...gostei muito da capa também!

    Abraços
    Literaleitura

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii! Nem todos os contos são com animais como personagens, também há sereias e bruxas ;)

      Excluir
  8. Você citou gatos? Haha tenho um pequeno problema com eles, mas me pareceu um livro um tanto peculiar. Os contos me atrairam, vou tentar ler!
    www.belapsicose.com

    ResponderExcluir
  9. Realmente é um livro pra sair da zona de conforto porque também não é um genero que eu leria logo de cara, além disso, a sinopse não me atraiu muito.

    http://laoliphant.com.br/

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.