Duff de Kody Keplinger

Título: Duff
Autor: Kody Keplinger
Ano: 2016
Editora: Globo Alt
Páginas: 328
Skoob: Adicione
Sinopse: Bianca Piper não é a garota mais bonita da escola, mas tem um grupo leal de amigas, é inteligente e não se importa com o que os outros pensam dela (ou ela acha). Ela também é muito esperta para cair na conversa mole de Wesley Rush - o cara bonito, rico e popular da escola - que a apelida de DUFF, sigla em inglês para Designated Ugly Fat Friend, a menos atraente do seu grupo de amigas. Porém a vida de Bianca fora da escola não vai bem e, desesperada por uma distração, ela acaba beijando Wesley. Pior de tudo: ela gosta. Como válvula de escape, Bianca se envolve em uma relação de inimizade colorida com ele. Enquanto o mundo ao seu redor começa a desmoronar, Bianca descobre, aterrorizada, que está se apaixonando pelo garoto que ela odiava mais do que tudo.

   Minha curiosidade com o livro Duff surgiu em 2015 quando assisti ao filme, que curiosamente descobri o enredo por indicação de uma conhecida que já havia lido e assistido as versões originais antes de lançarem no brasil. Duff é um livro interessante, apesar do drama teen, e de envolver adolescente é perceptível o quanto eles podem ser responsáveis e quanto dramas atuais se encaixam tão bem em uma “ficção”.
  Bianca Piper é uma adolescente que está prestes a terminar o ensino médio, segura de si, independente e inteligente sempre teve forte posicionamento sobre si  até que um dia se vê em um novo conflito após descobrir que de acordo com Wesley Rush (pegador da escola) e todos os outros do colégio ela é uma DUFF.
   Essa poderia ser mais uma história Jovem Adulto com temáticas fortes e problemáticas mas pra mim DUFF traz um enredo curioso, não temos uma protagonista quieta, recatada e do lar como estamos "acostumadas" ou como esperam, pelo contrário Bianca Piper é decidida, sarcástica, irônica e inteligente, sabe que seu biótipo físico não está dentro de um padrão de beleza e ainda sim não se modifica para agradar os outros. Wesley Rush poderia ser mais um bonitão, com corpo incrível e conquistador que passa a história inteira sendo perfeito, porém é notável que ele tem seus conflitos, e mesmo tendo uma boa vida – como todos acham que tem, ele é solitário e até mesmo incompreendido, sua falta de laços familiares consistentes o tornaram um exemplo de pessoa que prefere não criar laços afetivos e relações.
   Duff é uma mescla de dramas familiares e conflitos internos, é impossível não se sentir próximo dos personagens e compartilhar as emoções, a empatia é quase que automática, e talvez esse seja o maior ponto positivo da narrativa de Kody. Mesmo sendo do gênero Jovem Adulto, a leitura é um pouco mais adulta do que a faixa etária que normalmente dão a esses livros, e acho que ele é uma boa opção para quem está na mesma fase que Bianca e que também sofre por causa desses padrões de beleza, que ao meu ver é um dos maiores focos do livro.

Nota:


14 comentários:

  1. Oi Paac, ja vi diversas vezes a capa desse livro mas nunca soube do que se tratava. Apesar de ser um tema meio que abordado em vários filmes, acredito que esse tenha mais intensidade além de querer so entreter ne. Eu fiquei bem interessada, com certeza vou colocar na minha listinha. Bjos.

    ResponderExcluir
  2. Oi, como vai?

    Não conhecia o livro, mas, devido sua resenha, que a propósito ficou muito boa; Parabéns! fiquei interessada. Obrigada pela dica!

    http://www.cristinadeutsch.org/
    Saudações literárias.
    Beijos no ♥

    ResponderExcluir
  3. Olá,

    Eu já tinha visto esse livro e acabei assistindo o filme no Netflix, gostei muito da premissa, pela sua resenha a personagem é bem parecida com a do filme mesmo e como eu já gostei muito da história e tive esse primeiro contato com o filme, tenho uma curiosidade imensa para ler o livro também. Fico muito feliz pela história ser tão boa, espero em breve poder conferir.

    Abraços
    colecoes-literarias.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Olá!
    Eu também me interessei pelo livro por conta do filme, e aliás fiquei super empolgada quando soube que a Globo Alt ia publicá-lo, já que gostei bastante do filme.
    Acredito que essa vá ser uma leitura bem gostosa, a narrativa de Kody parece ótima e eu adoro o fato de Bianca não ser uma daquelas personagens "mimizentas".
    Espero ter a oportunidade de lê-lo em breve.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  5. Olá, ótima resenha. Eu tenho vontade de ler esse livro, gosto de livros do gênero e de personagens que despertem a minha empatia. Certamente lerei quando puder.

    ResponderExcluir
  6. Olá!
    Assisti esse ano o filme e gostei bastante. Descobri que eu já fui uma Duff no meu colegial! haha tenho vontade de ler o livro, acredito que tenha muito mais a acrescentar. Ótima resenha
    Ni
    Cia do Leitor

    ResponderExcluir
  7. Oioi! Tudo bem?
    Estou louca pra ler Duff!
    Já tinha me interessado qdo vi essa capa linda e ao saber da historia fiquei mais curiosa.
    Gostei dos temas tratados e acho que sentimos isso mesmo que vc falou, mais proximos dos personagens.
    Espero poder ler e adorei o marcador.
    Muito bom o post.
    Beijos

    Livros e SushiFacebookInstagramTwitter

    ResponderExcluir
  8. Adorei ser uma mescla de dramas familiares e conflitos internos, coisas que adoro numa leitura. Já passei dessa fase de sofrer por causa de padrões de beleza, mas claro que passei sim por ela e me interesso muito pela leitura!

    Beijo!

    Ju
    Entre Palcos e Livros

    ResponderExcluir
  9. Oi Paac, sua linda, tudo bem?
    É engraçado como ninguém sabe nada da gente, as pessoas nos veem de uma forma e as vezes estão totalmente enganadas. Todo mundo tem problema, a exemplo dele que parecia perfeito e não é. Só em ler sua resenha já tive a sensação de que irei me emocionar e me apaixonar por eles. Dica mais do que anotada. Sua resenha ficou ótima!!!
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Paac, o drama pode ser meio teen como você disse, mas fiquei bem curiosa pra ler, porque os personagens são verossímeis, pelo que li na sua resenha.
    Adoro quando os personagens são reais, sem aquela perfeição idealizada de sempre.
    Vou querer ler! :D

    Beijão!

    ResponderExcluir
  11. Oiii
    vi o filme faz um tempo e desde então estou louca para ler o livro pois curti muito a história e a protagonista, com certeza tentarei ler em breve

    Beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Oiii, tudo bem?
    Infelizmente a obra dessa vez não me interessou muito, por mais que as fotos e a resenha ficaram muito boas, pularei a dica da vez.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  13. Esse livro tá na minha lista de leitura tem um tempo, só não consegui colocar ele na minha estante ainda. Acho o enredo dele bem divertido, e sei que é completamente diferente do filme, o que já é um ponto positivo.

    http://laoliphant.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Olá Paac, assisti o filme no Netflix, mas ainda não consegui conferir a obra. Adorei sua resenha e pretendo ler em breve.
    Adorei esse funk da imagem, é o Angel? <3

    Abraços

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.