Nerve de Jeanne Ryan

Título: Nerve
Autor: Jeanne Ryan
Editora: Outro Planeta
Ano: 2016 
Páginas: 304
Skoob: Adicione
Sinopse: Você já se sentiu desafiado a fazer algo que, mesmo sabendo que pode se arrepender depois, acaba levando em frente? A heroína deste livro também.
Vee cansou de ser só mais uma garota no colégio, e quer deixar os bastidores da vida para assumir seu merecido posto sob os holofotes. E o jogo online Nerve, febre nacional transmitida ao vivo, pode ser o início dessa trajetória de sucesso. Basta que ela clique no botão “Jogador” em vez de “Espectador” para entrar na disputa, que propõe, a cada etapa, um desafio novo.
A adolescente acaba formando uma dupla imbatível com Ian, um garoto desconhecido com quem trava contato ao se inscrever em Nerve. Juntos, vão galgando posições no jogo. Mas, conforme os dois avançam na disputa, os desafios ficam cada vez mais complexos... e perigosos.


    Sim sou daquelas que leu o livro porque viu o trailer do filme e achou I.N.C.R.I.V.E.L, mas diferente, ou melhor como sempre faço eu primeiro assisti ao filme e depois li o livro, e posso afirmar que na minha opinião ambos são bons, com poucas diferenças, que talvez seja um fator incomodo pra vocês mas que pra mim não mudou muito a minha opinião final sobre o principal assunto tratado em ambos.
     Nerve é um jogador de desafios, onde a pessoa escolhe se será observador ou jogador, o observador é quem descobre tudo sobre sua vida dos jogadores e inventa os desafios que o mesmo deve fazer; o jogador é quem cumpre esses desafios e ganha uma quantidade x de dinheiro ao finaliza-lo. Vee está no ensino médio e sempre se viu como a garota tímida com uma melhor amiga incrível, Sidney. Disposta a provar a todos incluindo ela mesma, Vee decide se aventurar e jogar Nerve, mas não como uma simples observadora e sim uma jogadora disposta a concluir os desafios.
     Diferente do filme, o livro é um pouco menos dinâmico e temos uma noção real  do quanto a amizade de Vee e Sidney é complicada, a vida de Vee parece girar em torno apenas dessa amizade que ao meu ver não é das mais saudáveis. Vee é uma personagem que poderia ter um grande potencial mas em muitos momentos, suas atitudes e pensamentos são o de uma garotinha mimada que parece precisar primeiro provar aos outros sua coragem antes mesmo de pensar em si.
     O livro é um entretenimento e a leitura fluí muito bem, você se sente envolvido e quer descobrir o que vai acontecer a cada nova página, Jeanne tem uma escrita muito boa mas criar expectativas foi um erro que cometi ao assistir o filme e ler a sinopse do livro. O livro como uma obra sozinha é boa, mas se você assistir ao filme primeiro pode acabar sentindo um pouco da falta de algumas cenas, momentos e respostas que apenas o filme dá.
     Nerve é um livro complicado porque em sua essência traz um jogo interessante e crível, mas que não respondeu a todas as perguntas deixadas ao longo da leitura, mas ainda assim não deixou de ser uma obra interessante e envolvente.
Nota:

Um comentário:

  1. Quando a leitura é complicada, as vezes é tão difícil. Nunca li Nerve, e é a primeira resenha que leio. Mesmo não sendo muito meu estilo de leitura, me chamou atenção a essência da história :)

    www.vivendosentimentos.com.br

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.