De Olhos Fechados de Lavínia Rocha

Título: De Olhos Fechados
Autor (a): Lavínia Rocha
Editora:  D'Plácido
Ano: 2014
Páginas: 253
Skoob: Adicione
Sinopse: "Ignorar é a solução" foi o que pensou Cecília quando alguns papéis começaram a surgir no seu quarto, na bolsa e nos seus livros. O que seriam aquelas ameaças e informações sem nexo? Quem estaria mandando? Como se não bastasse, a cada que os lê, uma imagem passa em sua mente. Talvez isso pudesse ser menos estranho se Cecília não fosse cega desde o dia que nasceu.
Para desorganizar ainda mais sua vida, Tiago - o garoto novo da escola - começa a balançar seu coração e a faz com que sinta o que ela jamais sentiu. Sua dificuldade agora é acreditar no que sempre tentou passar às pessoas: ser cego não é sinônimo de limitação e tristeza.
Entre os desafios do dia-a-dia e da adolescência, Cecília se vê envolvida em um mistério que pode afetar sua vida e de todos os belo-horizontinos, e ela não vai descansar até descobrir - e entender - um grande segredo do passado da cidade que os livros de História jamais ousaram contar.

   Nunca li um livro com uma deficiente visual, já havia visto por ai alguns títulos com personagens assim, mas eram todos gringos, então decidi que iria dar preferência a um nacional e não me arrependi disso.
   Cecilia é uma adolescente de 15 anos que mora em Belo Horizonte, leva uma vida simples e comum exceto o pequeno fato de ser deficiente visual. Ceci, como é comumente chamada pelos amigos, adora ler e conversar com os amigos da escola e em um certo dia o novo aluno Thiago lhe manda bilhetinhos, e após se conhecerem e se tornarem mais íntimos Cecilia toma certas decisões e talvez em consequência dessas decisões coisas misteriosas começam a acontecer.
    Cecilia é uma adolescente forte, decidida e que tenta ao máximo ser independente e não dar trabalho as pessoas ao seu redor; Luna (irmã mais nova) é uma garota bem madura pra idade que tem, e está sempre ao lado da irmã a apoiando em tudo que precisa. Achei curioso o fato de Cecilia saber diferenciar as pessoas pelo cheiro, e ter um certo ‘dom’ de determinar cada cor também pelo cheiro, apesar de ser um bom livro senti um pouco de falta de profundidade dos personagens, são bem construídos mas ainda assim não me cativaram totalmente. A história é boa, a escrita de Lavínia não é complicada e segue de forma direta ao ponto que se quer chegar.
     De Olhos Fechados é um livro bom, fluí muito bem, tem muitos momentos fofos e nos apresenta uma personagem forte e que não deixa sua deficiência a impedir de realizar nada.

Nota:

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.