A Torre Negra de C. S Lewis

Título: A Torre Negra e Outras Histórias
Autora:  C. S Lewis          
Ano: 2016
Editora: Planeta
Páginas: 240
Skoob: Adicione
Sinopse: Continuação memorável das fantasias de C. S. Lewis, estas seis histórias revelam mais uma vez o poder e a visão deste importante contador de histórias, um dos nomes centrais da literatura de fantasia universal. A Torre Negra é um esboço de um quarto volume que daria continuidade à aclamada série de ficção científica de Lewis conhecida como Trilogia cósmica. Uma história cativante que continua as aventuras de personagens como Dr. Elwin Ransom e MacPhee. Na trama, cinco homens se reúnem no escritório de Orfeu, na Universidade de Cambridge, para testemunhar a violação do espaço-tempo por meio do cronoscópio, um telescópio que não olha apenas para um outro mundo, mas para outras dimensões. Ao longo das narrativas, seus personagens travam debates brilhantes sobre a matéria, no tempo e no espaço. Para os fãs de Crônicas de Nárnia e da Trilogia cósmica, este é um livro imprescindível.

   Acreditem ou não eu nunca li nada do autor, eu tenho o volume único de as crônicas de nárnia mas por fatos da vida ainda não consegui ler a obra, e um dos maiores motivos além do fator tempo é o tamanho da obra também haha, anyway, o que me motivou a ler a obra que vou resenhar hoje é justamente a curiosidade pela escrita do autor e posso dizer que ela me deixou curiosa pra ler as crônicas, que eu já tinha essa vontade porque amo/sou os filmes.
   Um fato curioso desse livro é que além das histórias escritas por Lewis, anteriormente conhecemos um pouco da fatídica história de como os manuscritos foram encontrados e publicados para a nossa alegria, não é mesmo? O livro tem 4 contos, porém o mais curioso deles é A Torre Negra em que vamos acompanhar o filosofo Elwin Ransom que nada mais é do que o personagem principal da trilogia Cósmica, também escrita por Lewis, que por mais bizarro que pareça é o narrador de a torre negra...
    É engraçado porque mesmo em contos podemos sentir a essência de Lewis e sua loucura ao escrever, de uma forma superpositiva o livro é realmente um scifi, cheio de filosofias, eu tive uma certa dificuldade pra compreender um pouco de algumas histórias e ainda me pego pensando se é porque boiei mesmo ou porque entendi a não lógica de tudo haha. O conto As Terras Fajutas é o mais reflexivo no sentido humano da coisa, de um certo modo quase todos os contos vão trazer algo a se refletir, mas esse foi o que mais me pegou.
   Lewis teria feito desses contos ótimas obras completas, porque apenas pelas inacabadas podemos compreender como ele era bom, é triste saber que isso não vai ocorrer, mas feliz por ter tido a chance de ler esse início...
Nota:

Um comentário:

  1. Que logo mais lindo!
    Amo raposas, e essa forma geométrica ficou demais! *-*

    Vim te visitar e te fazer um convite!
    Está rolando um sorteio especial de 3 anos de blog lá no meu cantinho. Estarei sorteando 4 itens "medievais" que podem servir pra homem e pra mulher.

    Se tiver interessada em participar vou deixar o link aqui pra você preencher o formulário.

    No mais, boa sorte desde já!

    Sorteio do blog

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.